Encontra-nos através das redes sociais

  • Facebook Page: 380736808683360
  • YouTube: sfvsff

Cultural

A ideia mais simples que se pode ter sobre o conceito de cultura tem a ver com os hábitos e os costumes de um povo ou sociedade, que são herdados ao longo de séculos, passando de geração em geração. São esses hábitos, usos e costumes que determinam o modo de vida das pessoas de uma determinada sociedade.

No município dos Mosteiros, a vida cultural e artística tem vindo a ganhar nova dinâmica nos últimos anos, embora se reconheça que há ainda muito a fazer.

Existem grupos organizados como:

- Fidjus de cultura, da localidade de Relva – grupo cultural

- Pró-Kultura, de Feijoal – grupo musical

Grupo acústico de ribeira do Ilhéu – grupo de músicas tradicionais

Grupo de danças tradicionais de atalaia.

Esses grupos têm actuado de forma inibida mas, imprimido uma certa dinâmica e movimentação em torno das actividades que realizam.

O pelouro da Câmara Municipal tem disponibilizado a esses grupos, algum apoio e orientação. Além disso, tem promovido a realização de diversas actividades culturais, mix cultural, exposição de pratos típicos, exposição de trabalhos artesanais, rádio praça, festiviolino, comemoração de efemérides nacionais, programa verão jovem, entre outras.

No município identificam-se como principais manifestações culturais: o Carnaval, o teatro, a música (género Talaia Baxu), as danças tradicionais (morna, varsa, rabolo e xotis) e as festas de romarias (s. João, S. António, S. Pedro, S. Rita, etc)

Estas festas e manifestações culturais acontecem, porém, de forma pouco intensa e em muitos casos vem perdendo os traços originais que as caracterizavam no passado.

O Carnaval no concelho dos Mosteiros é ainda uma actividade cultural pouco expressiva, mas, anualmente, os grupos saem às ruas para festejarem a festa do rei momo e espalhar a cor, a alegria e a folia pelas ruas, até a Vila de Igreja. Habitualmente saem às ruas, 3 grupos: Maravilhas da Terra (Fajãzinha) Maravilhas 97 (M. Trás) e Renascença Cultura (Guincho)

No campo musical, destaca-se o género Talaia Baxu (é uma das músicas mais gravadas não só pelos Foguenses mas também por artistas de outras paragens - tem um ritmo muito acelerado e contagiante). Há igualmente o "Rabolo" e a dança "Xótis", que são géneros musicais genuinamente mosteirenses. Estes precisam ser preservados porque caso contrário podem cair no esquecimento.

Anualmente o pelouro da cultura da Câmara Municipal tem realizado o concurso de vozes "Todo o Mundo Canta", que tem tido uma participação razoável de jovens, aproveitando a oportunidade para mostrarem os seus talentos. Essa é mais uma actividade cultural que tem movimentado um grande número de jovens no polidesportivos onde são realizados. Nos últimos anos, a Câmara tem optado por fazer coincidir a final deste concurso dentro das festas do município como forma de dar mais brilho a esse certame. A par do concurso de vozes, tem-se também realizado festivais de pequenos cantores e pequenos bailarinos, que também tem atraído uma boa moldura humana em comemoração ao dia internacional da criança. As crianças vencedoras representam o município anualmente na gala nacional de pequenos cantores e bailarinos.

O município acaba de ver reestruturada um equipamento cultural de elevada importância – a Biblioteca Municipal – que vinha fazendo muita falta aos munícipes. Contém salas de leitura para jovens e adultos, para crianças e adolescentes, sala multimédia onde os jovens tem acesso ao mundo da informação e formação através da Internet, sala de jogos e TV, tudo no sentido de proporcionar o enriquecimento cultural dos munícipes.

Dispõe ainda de um Centro da Juventude que tem promovido várias actividades formativas e de animação para a camada juvenil.

E nessa política de promover cada vez mais a cultura e eventos culturais a edilidade mosteirense pretende, logo que o Centro de Saúde dos Mosteiros for inaugurado, transformar o actual posto de saúde numa casa da cultura. E já para o ano económico 2009 pretende-se construir um auditório municipal, tudo como forma de criar infre-estruturas básicas e essenciais para o desenvolvimento de actividades culturais.

Contudo, o evento maior do concelho é a comemoração do dia do município - dia de Nossa Senhora de Ajuda, festejada a 15 de Agosto.

A comemoração anual do Dia do Municipio tem trazido artistas de renome nacional e internacional ao nosso Concelho. O Festival da Praia/ Lancha que já vai na sua Décima Sétima edição, é também muito concorrido não só pela população local mas, da diáspora e de outros municípios do país e da diáspora. A par da música, diversas actividades desportivas como futebol, atletismo, ciclismo, corrida de bote, natação, jogos de carta oril e dama, exposição de peças artesanais, exposição de pratos típicos do concelho como a famosa djagacida, o rolom, o cuscus, a cachupa de entre outros, concorrem para abrilhantar a festa maior do município dos Mosteiros.

A Câmara continuará a dar atenção a outros sectores da cultura, onde já se configuram algumas iniciativas, nomeadamente a Pintura. A criação de um atelier é já uma necessidade, pois há jovens com algumas habilidades artísticas.

 

Projetos


Copyright © 2017 Câmara Municipal dos Mosteiros. Todos os direitos reservados.